Pastor é preso por abuso sexual de uma criança

Condenado a 12 anos de prisão por estupro de vulnerável, um pastor de 53 anos foi preso em Ponta Porã, a 346 km de Campo Grande. O homem estuprava a neta da esposa, de 8 anos de idade. Em nota divulgada em site oficial, a Polícia Civil divulgou a prisão do pastor e fez alerta sobre sinais de que a criança esteja sofrendo violência sexual.

Conforme relato da mãe, o autor dos abusos vinha chamando a criança com frequência, o que despertou sua desconfiança. Ao investigar, a mãe flagrou o suspeito se masturbando e tocando as partes íntimas da criança no quarto do pensionato.

O crime ocorreu em 2019, quando a vítima tinha 8 anos de idade. “Na época ele era casado com a avó da criança e aproveitava o momento em que ia levar a menina na escola de moto, para passar e passava a mão nas partes íntimas dela”, diz nota da Polícia Civil.

O pastor, que não teve o nome divulgado, foi localizado e detido próximo da linha internacional, na manhã desta sexta-feira (7). Em seguida, conduzido para a 1ª DP de Ponta Porã e posteriormente será encaminhado ao sistema prisional.