Thiago Nigro fala sobre sua relação com a filha de Maira Cardi, após ser chamado de pai

Na última quarta-feira (01), em um bate-papo no seu podcast, Thiago Nigro fez uma reflexão sobre a sua relação com Sophia, filha de Maira Cardi, com quem é casado.

Na ocasião, o coach afirmou que estudou na bíblia sobre sua função como padastro. “Refleti muito sobre quem eu sou e qual é o meu papel. Eu sou o tio? O padrasto? Porque ela tem um pai. A cada duas semanas, ela fica um fim de semana com o pai biológico. Depois de muito estudar, eu fui buscar o que a Bíblia fala sobre padrasto. Jesus foi criado por um padrasto, é conhecido como ‘o filho do carpinteiro’ e chama ele de pai. É uma responsabilidade muito grande”, iniciou ele.

Logo em seguida, ele relembrou de quando Sophia o chamou de pai pela primeira vez. “É conveniente amar um filho biológico, porque você não tem outra opção. Agora, quando você decide amar, esse é um amor muito poderoso. Mistura um pouco daquela sensação de culpa por um lado, onde tem gente falando: ‘você não é pai’, mas eu só quero o bem da criança. Onde acendeu tudo isso foi quando ela me chamou de pai pela primeira vez”, disse ele.

Thiago também falou sobre sua reação à atitude da pequena. “Falei ‘e agora?’. Chamei ela pelo nome, e ela disse: ‘não gosto! Me chama de filha’. Achei lindo isso”, contou.

Maíra Cardi recebe criticas após exibir a filha chamando o padrasto, Thiago Nigro, de pai

No vídeo, Sophia, que é fruto do antigo relacionamento de Maíra com Arthur Aguiar, aparece brincando com Thiago. O coach financeiro estava maquiando a enteada, quando começou a receber elogios da mãe: “Olha isso! Você está maravilhosa! Eu nunca vi um pai que faz olho”.

A pequena então decidiu ir ver como a make havia ficado e não gostou do resultado, soltando a frase: “Papai fez um pouco mais borrado. Não está bom, papai fez borrado”. Em outro vídeo, Maíra volta a se referir ao atual marido como pai de Sophia: “Conta para mim: essa maquiagem que o seu pai comprou é natural?”. “É natural!”, respondeu a menina.