Partidos discutem como melhorar exibição de propagandas eleitorais

A Midiacom MS (Associação de Emissoras de Radiodifusão do Estado de Mato Grosso do Sul ) e o TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral) se reuniram na tarde de ontem, junto das lideranças partidárias do Estado, para falar sobre as propagandas eleitorais.

O objetivo do encontro, segundo o G1, foi informar como a tecnologia, já praticada nas emissoras de televisão e rádio, podem melhorar o processo de exibição das propagandas eleitorais de Mato Grosso do Sul.

“A ideia é deixar esse processo mais transparente, mais seguro para não ter aquela insegurança que o partido tem, por exemplo, mandou uma propaganda para a televisão, para o rádio: ‘Ela passou ou não?’, como teve em eleições anteriores. Então a gente vem apresentar caminhos utilizando a tecnologia para melhorar esse processo da propaganda eleitoral gratuita”, afirmou Antonio Alves, o Tunico, presidente da Midiacom MS e diretor de negócios da RMC (Rede Matogrossense de Comunicação)

No encontro, duas empresas foram apresentadas: Connectmix, de Florianópolis (SC), e Radio Break, de Campinas (SP).

A principal meta é facilitar todo o processo, tanto para os partidos e emissoras que irão receber as mídias, quanto para a própria fiscalização do TRE-MS.

“Que tem a única finalidade de fiscalizar para que as regras sejam absolutamente claras e iguais para todos os partidos (…) Principalmente dar aos partidos a possibilidade de trabalharem com empresas que já têm um know-how, que já prestam esse serviço para outros estados. Elas têm mostrado que tem dado certo, têm trazido benefício tanto para os partidos, como para as emissoras e como também para a própria Justiça Eleitoral, que como eu disse: tem o principal objetivo de garantir uma eleição transparente, limpa e principalmente com regras absolutamente igualitárias para todos”, completa Fernando Chemin Cury, juiz auxiliar da presidência Dotre-ms.

A proposta deste ano é ter a participação de todas as emissoras de rádio comerciais, comunitárias e educativas registradas na Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações ). Dessa forma, conforme a Midiacom MS, é garantida a imparcialidade e transparência no sorteio.

A Midiacom MS, desde 1999, representa 15 emissoras de televisão e 84 emissoras de rádio em todo Mato Grosso do Sul.

Propostas

Além de uma nova empresa para trabalhar no processo, há propostas sobre a entregas de mídias nas emissoras de TV e de rádio, assim como os prazos de entrega, de autoria exclusiva da Midiacom. São elas:

TV – Utilizar players como Adstream, Vati, Peach (A+V Zarpa) para envio e cadastro das mídias dos candidatos.

Rádio – Utilizar players como Connectmix e Radio Break para envio e cadastro das mídias dos candidatos

Prazos – Inserções até as 17h do dia anterior à exibição. E programas até as 19h do dia anterior à exibição.

Entrega de mapas de mídia

TV – Enviar mapas de mídias por e-mail até as 14h da véspera da veiculação

Rádio – Enviar mapas de mídias via plataformas da Connectmix ou Radio Break

Prazos – Para veiculações em finais de semana e feriados, enviar até as 14h do dia útil anterior.