Mercado de franquias faturou 1,4 bilhão e gerou mais de 10 mil empregos no último ano

O mercado de franquias no Brasil vem crescendo nos últimos anos. Responsável por 46% do faturamento do franchinsing no Mato Grosso do Sul, o setor em Campo Grande alcançou o faturamento de R$ 1,4 bilhão em 2023, 1% superior ao ano anterior e 37% superior a 2021.

A estimativa é que o município aloque 1.258 operações franqueadas, 4% superior a 2022 e 14% em relação a 2021, gerando hoje 10.861 empregos diretos, 1% superior ao gerado em 2022, e 18% superior a 2021.

Os números revelam não apenas uma ascendência, mas também o potencial e a força da franchising na Capital, que mesmo em meio a desafios econômicos nacionais, continua a prosperar, impulsionado pela resiliência dos empreendedores e pela atratividade do modelo de negócio.

Campo Grande ainda tem outra vantagem, a Prefeitura Municipal aprovou uma lei que reduz a alíquota do ISS para empresas franqueadoras, de 5% para 2%, abrindo as portas para uma nova onda de investimentos. Com essa medida, a expectativa é que novos investidores tragam mais negócios para a Capital.

A prefeita Adriane Lopes comenta que com a economia se fortalecendo, o setor pode melhor se posicionar para continuar sua trajetória de crescimento. “Preservar, manter e incentivar a franchising em Campo Grande e de todo o Estado é um grande desafio da atualidade e, sendo assim, o incentivo público à atividade torna-se necessário. A redução da alíquota do ISS é um instrumento fundamental para impulsionar o sistema de franquias que sofreu com a pandemia, mas vem demonstrando crescimento e a força de gerar oportunidade e fomentar novas marcas e emprego em Campo Grande”, afirma.

Para mostrar os benefícios da lei e como está o mercado Brasil afora, a Associação Brasileira de Franchising (ABF), realiza, em parceria com a Prefeitura de Campo Grande e por meio da Secretaria Municipal de Inovação, Desenvolvimento Econômico e Agronegócio (Sidagro), um encontro com diretores da associação e grandes nomes de multifranqueados que contarão suas histórias de sucesso, como O Boticário e Quem disse Berenice.

Para a discussão do “Panorama do franchising e como se tornar uma franqueadora” participam Fabiana Estrela, diretora-executiva da ABF; Mauro Hyde, diretor ABF regional Centro-Oeste e Bruno Lucius, gerente-jurídico, compliance e governança ABF.

As histórias de sucesso como o tema “Franchising na sua vida e visão, papel do franqueado e do franqueador no sucesso do negócio”, vão ficar a cargo de Nelsinho Brum, Grupo Valebrum (multifranqueado O boticário e Quem disse Berenice) e Solange Brum, Grupo Valebrum (multifranqueado O boticário e Quem disse Berenice). A diretora-executiva da ABF Fabiana Estrela será a moderadora do bate-papo.

Para participar do evento e descobrir o que há por trás do sucesso dessas franquias garanta sua vaga aqui https://abre.ai/123abrindo.

Para o secretário municipal de Inovação, Desenvolvimento Econômico e Agronegócio, Adelaido Vila, o evento vem aproximar a ABF da capital sul-mato-grossense. “Temos um desenvolvimento econômico importante, uma economia influenciada pelo agronegócio e baseada em serviços e varejo, com boa penetração da franchising. Este evento vem aproximar o setor de franquias dos campo-grandenses e apontar a importância deste setor para fomentar novas marcas na cidade, gerar mais emprega e movimentar a economia”, afirma.