Janeiro de calor intenso no Mato Grosso do Sul

No Mato Grosso do Sul são esperados dias de calor intenso, com baixos índices de umidade do ar. Ao longo de janeiro a chuva aumenta sobre grande parte de Goiás (exceto o oeste do estado) e Distrito Federal, onde as pancadas de chuva serão bastante frequentes, com eventual atuação de corredores de umidade.

Nestas áreas, os volumes ficam entre a média e um pouco acima da normalidade. Os acumulados continuam abaixo da média em no sul, leste e norte do Mato Grosso e em quase todo Mato Grosso do Sul, com destaque para a região do Pantanal, onde os desvios serão mais expressivos.

Os volumes de chuva ficam dentro da normalidade, mas são esperados poucos dias de invernada, com chuvas distribuídas de forma mais irregular.

As temperaturas ficam altas e acima da média em todas as áreas, especialmente no oeste da região, nas áreas fronteiriças com a Bolívia e o Paraguai.