Polícia cumpre mandados em boate de Dourados em investigação de denúncia

A PC-MS (Polícia Civil de MS), por intermédio da Delegacia de Atendimento à Mulher da cidade de Dourados, foi noticiada pelo Ministério Público do Trabalho no início de dezembro, requisitando a apuração de denúncias quanto à exploração sexual e casa de prostituição envolvendo uma “boate” em Dourados.

Foram feitas apurações iniciais coletando informações sobre o local e a relação com outras “boates” com nomes similares ou de mesmo proprietário.

Para fins de apuração, a polícia representou pela busca e apreensão no local, cujo Mandado foi devidamente expedido pela 1ª Vara Criminal de Dourados.

Na quinta-feira (21), a equipe de investigação da DAM e da 2ª Delegacia de Polícia de Dourados, cumpriram a diligência no local, instalado na Sitioca Campina Verde.

No local, foram feitas entrevistas com as colaboradoras e gerente do local, além de conferência de documentação e comandas, que foram apreendidas para fins de investigação. As investigações sobre os fatos continuam.