Produção Industrial de Mato Grosso do Sul se mantém estável em 75% das empresas

Conforme a Sondagem do Radar Industrial da Fiems, em 75% das empresas, a produção industrial de Mato Grosso do Sul se manteve estável ou em crescimento entre os meses de setembro e outubro. Comparado ao último levantamento, o resultado representa crescimento de 15 pontos percentuais. Quanto à utilização da capacidade instalada, 69% dos empresários industriais disseram que ela esteve igual ou acima do usual para o mês. Já a utilização média da capacidade total de produção ficou em 74%.

“Quanto ao índice de confiança, o indicador apresentou elevação de 1,4 ponto, refletindo uma pequena melhora na avaliação das condições atuais e a manutenção do otimismo dos empresários em relação ao desempenho projetado para suas empresas nos próximos seis meses”, explicou o economista-chefe da Fiems, Ezequiel Resende.

O índice de intenção de investimento encerrou o mês em 58,8 pontos, o que representa que o empresário industrial sul-mato-grossense se mantém disposto a realizar investimentos.

“Por fim, considerando as expectativas para os próximos seis meses, 48% dos participantes disseram que a demanda por seus produtos deve ficar estável, enquanto 35% acreditam que deva aumentar”, completou o economista.

A quantidade de funcionários, o quadro total deve permanecer o mesmo para 71% dos representantes, já 18% esperam elevar o número de colaboradores. Quanto à compra de matérias-primas, 49% disseram que o volume deve ser o mesmo nos próximos seis meses, enquanto 31% pretendem aumentar as aquisições nesse período.