Lea Maria Jahn se pronuncia após Juliano Gaspar negar violência doméstica: ‘Quero paz’

A humorista alemã Lea Maria Jahn publicou um novo vídeo após o ex-marido, o também humorista Juliano Gaspar, negar ter cometido violência doméstica contra ela. Em uma publicação, o comediante disse que nunca agrediu a ex e cogitou que ela estaria sendo induzida a fazer essas acusações. Então, Lea se pronunciou e refutou essas alegações.

“Minhas agressões estão comprovadas pelo laudo médico. Minhas lesões anteriores estão registradas”, disse a humorista em um vídeo em que também mostra diversos hematomas pelo corpo.

Lea deixou a casa onde vivia com Juliano e disse que o ex-marido insiste em tentar falar com ela. “Eles não estão me respeitando. Tentaram entrar em contato nos últimos dias com ligações, mensagens, pelo email, pelo Instagram e pelo celular”, contou. Ela falou que o comediante também teria entrado em contato com a psicóloga dela, para supostamente convencer a terapeuta a influenciá-la a falar com ele.

Nas redes sociais, a alemã também reforçou que tomou todas as medidas por conta própria e não está sofrendo qualquer tipo de manipulação. “Estou bem, estou em um ambiente seguro, com pessoas que escolhi para estar junto comigo. Estou tomando todas as minhas decisões sozinha, estou postando no meu Instagram sozinha, ninguém me obriga a postar nada e a falar nada. Vai passar”, concluiu.